Atenção na hora de comprar passagens a

Passagens aéreas com tarifas iguais às dos ônibus, pagamento em 12 vezes sem juros ou ainda descontos quem chegam a 90%. São muitas as promoções realizadas pelas linhas aéreas brasileiras com o objetivo de ampliar a demanda...

Leia Mais

Nova política GOL prevê corte de custos

Autor GOL - Categoria Linhas Aéreas, Viagens - 24 : August : 2011

Tags: , ,

0

gol linhasA GOL Linhas Aéreas, a maior companhia aérea de baixo custo e baixa tarifa da América Latina, divulgou ao mercado os resultados financeiros relativos ao segundo trimestre de 2011. A empresa, que em julho atualizou suas projeções financeiras para o ano, anunciou um plano de reduções adicionais de custos. A mudança decorre do aumento do cenário competitivo no setor, com excesso de oferta no mercado brasileiro de aviação comercial e a conseqüente redução no preço das tarifas.

De acordo com a administração da GOL, um movimento objetivo de adequação na base de custos ampliará a competitividade da operação. Entre as medidas previstas no plano estão a implementação de uma nova grade de serviços, que inclui a ampliação da venda a bordo, gestão mais eficiente do quadro de tripulantes técnicos e comerciais, redução significativa das despesas referentes à devolução de aeronaves Boeing 767 e com manutenção, além de economias adicionais nos vôos com combustível, resultantes de investimentos em tecnologia nas aeronaves.

No segundo trimestre de 2011, a empresa apurou um prejuízo líquido de R$ 358,7 milhões, com margem líquida negativa de 22,9%, em comparação a um prejuízo de R$ 51,9 milhões no mesmo período de 2010 (margem líquida negativa de 3,3%) e a um lucro líquido de R$ 110,5 milhões no trimestre passado (margem líquida de 5,8%). O resultado negativo ocorreu, principalmente, em função do cenário competitivo do mercado brasileiro, que provocou uma queda de 2,3% da receita de passageiros, e da pressão nos custos operacionais da companhia durante o segundo trimestre.

Por outro lado, a GOL reforçou sua posição de caixa, que atingiu R$ 2,067 bilhões e representou cerca de 29% de sua receita líquida dos últimos 12 meses. Esse valor representa aumentos de 30,1% e 11,9% em comparação ao 2T10 e 1T11, respectivamente. O caixa total representa 6,0 vezes as obrigações financeiras dos próximos 12 meses (2,7 vezes no 2T10 e 5,9 vezes no 1T11).

gol linhas

De São Paulo para Chicago e Cúcuta

Autor GOL - Categoria Linhas Aéreas, Viagens - 19 : August : 2011

Tags:

0

A Copa Airlines anuncia para dezembro de 2011 dois novos destinos que facilitarão a viagem dos passageiros de São Paulo. Chicago (EUA) e Cúcuta (Colômbia) estarão na rota da companhia, com vôos saindo do Aeroporto Internacional de Guarulhos/Cumbica e conexão estratégica no Hub das Américas, na Cidade do Panamá.

Chicago

Chicago, terceira cidade norte-americana mais populosa, terá um vôo diário com chegada no Aeroporto Internacional O’Hare. Considerado um dos dez maiores pólos financeiros e de negócios do mundo, o destino também se destaca pela exuberante natureza. Afinal, ostenta a maior quantidade de área destinada a parques nos Estados Unidos – incluindo os 4,9 km² do Lincoln Park e o Michigan com sua pista de golfe. Será o sexto destino da companhia no país e as rotas serão operadas por Boeing 737-700 com capacidade para 124 passageiros – 12 na classe executiva e 112 na econômica.

Já Cúcuta terá quatro freqüências semanais. A cidade é um importante núcleo comercial entre o Panamá, Venezuela e Colômbia e será o nono destino conectado à rede da Copa Airlines. Além disso, conta com o Corporación Tennis & Golf Club, disputado campo de golfe conhecido por exigir movimentos muito precisos dos jogadores. Os passageiros poderão voar de Embraer 190, modelo para 96 passageiros.

As rotas terão conexão imediata na Cidade do Panamá, centro geográfico das Américas. No Hub das Américas do Aeroporto Internacional de Tocumén, não é preciso passar pela fila de imigração nem pela alfândega.

Potencial Aeroporto em Campinas

Autor GOL - Categoria Linhas Aéreas - 10 : August : 2011

Tags: , , ,

0

Taxi AéreoO Aeroporto Estadual Campo do Amarais, em Campinas (SP), está se consolidando como um aeroporto voltado para a aviação executiva e com isso vem atraindo empresas voltadas para hangaragem, manutenção, táxi aéreo e outras. Desde dezembro do ano passado, com o balizamento da pista, o aeroporto passou a operar 24 horas para pousos e decolagens. Até o fim do ano, deve ficar pronta a Epta (Estação Permissionária de Táxi Aéreo), já em fase de instalação e que dará auxílio à navegação aérea.

Segundo o administrador do Aeroporto amarais, 2010 foi fechado com uma média de 6 mil vôos por mês. Nos últimos anos, o crescimento médio tem sido de 23% no número de operações/ ano e, segundo ele, a perspectiva para 2011 é muito boa. Tanto assim que o aeroporto vem atraindo muitos empresários interessados na concessão de espaços. Na última licitação, para a concessão dos dois últimos lotes, foram 17 candidatos.

Participaram da licitação empresas de porte como a Petrobras, Global Taxi Aéreo, Palicopter, Colt Taxi Aéreo, entre outras. Ao todo foram quatro linhas aéreas de táxi aéreo, três construtoras e duas empresas de hangaragem, duas de combustível e mais seis empresas de ramos diversos. Recentemente começaram a operar no aeroporto uma empresa de manutenção de jatos e outra de táxi aéreo.

O crescimento do Aeroporto do Amarais está diretamente relacionado ao crescimento econômico da região de Campinas, dona de um PIB (Produto Interno Bruto) equivalente ao de um país como o Chile, e à expansão da aviação executiva. Amarais foi estruturado para atender a aviação geral, englobando a aviação executiva, desportiva e militar. A localização geográfica também beneficia o crescimento. O aeroporto fica a 5 km do centro de Campinas e a 100 km de São Paulo. Empresas como a Vale do Rio Doce escolhem Amarais para deixar seus jatos.

Melhorias no aeroporto internacional de Manaus

Autor GOL - Categoria Linhas Aéreas, Viagens - 04 : August : 2011

Tags:

0

Internacional de ManausO Aeroporto Internacional de Manaus/Eduardo Gomes (AM) recebeu na última terça-feira, do Ipamm (Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas), a Licença Ambiental de Instalação para as obras de ampliação e modernização do Terminal de Passageiros. A Infraero vai investir R$ 327,4 milhões nas obras, que teve edital publicado no último dia 25 de maio.

A média diária de operações de vôos é de 110, entre pousos e decolagens, operando companhias aéreas nacionais e internacionais. Com a execução das obras, o aeroporto passará a oferecer maior conforto a passageiros e usuários, além de melhorar a operacionalidade em todo complexo aeroportuário. O Terminal de Passageiros terá a área duplicada de 43 mil m² para 97 mil m², elevando a capacidade operacional de 4, 2 milhões de passageiros por ano para 9 milhões.

O projeto de modernização prevê alterações no Terminal que permitirão as operações de embarque e desembarque de vôos em níveis diferenciados, agilizando o fluxo de passageiros. A modernização contemplará o aumento no número de balcões de check-in, esteiras de bagagem, sistemas elétricos, além da completa substituição de pisos, revestimentos e incorporação de requisitos ambientais como iluminação direcionada, melhoria energética na climatização e uso de águas pluviais.

O início das obras está programado para novembro deste ano e tem conclusão para dezembro de 2013.